CONDUTA IMPLACÁVEL

Conhecido como 'Moro do Pará', juiz 'linha dura' assume Comarca de Tucumã

A mudança foi realizada pelo Pleno do Tribunal de Justiça do Pará, que procedeu a movimentação na carreira de magistrados

Redação Xingu

Social media

20/01/2020 12h45 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

PUBLICIDADE

Conhecido no Estado do Pará por ter uma conduta implacável, o juiz Pedro Enrico de Oliveira, que afastou diversos prefeitos por diversos crimes acometidos no Pará, vai assumir a Vara Única da Comarca de Tucumã. O magistrado é conhecido como 'Moro do Pará', em referência a Ségio Moro.

A mudança foi realizada pelo Pleno do Tribunal de Justiça do Pará, que procedeu a movimentação na carreira de magistrados, com a apreciação de pedidos de remoção e de promoção nas 1ª e 2ª entrâncias.

Na deliberação das escolhas, os juízes são avaliados pela Corregedoria de Justiça das respectivas Comarcas, as quais apresentam relatórios em plenário, comunicando a aptidão do magistrado para a movimentação na carreira.

Assim, foram promovidos os juízes Pedro Enrico de Oliveira, para a Vara Única da Comarca de Tucumã (mais conhecido como “Moro do Pará”); Bruno Aurélio Santos Carrijo, para a Vara Criminal da Comarca de Redenção; Iacy Salgado Vieira dos Santos, para a 3ª Vara do Juizado Especial Cível da Comarca de Ananindeua; Katia Tatiana Amorim de Sousa, para a Vara Criminal de Canaã dos Carajás; Tainá Monteiro da Costa, para a Vara Cível e Empresarial de Novo Progresso; Danilo Alves Fernandes, para a 1ª Vara Cível e Empresarial de Canaã dos Carajás; Agenor Cássio Nascimento Correia de Andrade, para a Vara Criminal de Itaituba.

Já os magistrados removidos foram Alexandre José Chaves Trindade, que seguirá para a 2ª Vara Cível e Empresarial da Comarca de Santarém; Márcio Campos Barroso Rebello, para a 1ª Vara da Comarca de Cametá; e Ramiro Almeida Gomes; que assumirá a titularidade da Vara Única da Comarca de Oriximiná.

O magistrado possui graduação em Direito pela Fundação Universidade do Tocantins (2003). Doutorando em Direito Penal pela Universidade de Buenos Aires. É Juiz de Direito do Tribunal de Justiça do Estado do Pará.

(Com informações da assessoria da Prefeitura de Tucumã)

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE