OPERAÇÃO 'RETOMADA'

Polícia Federal fecha garimpo ilegal em Floresta do Araguaia

Quatro pessoas foram presas e armas, munições, mira telescópica e colete balístico foram apreendidos durante a ação, a dona do garimpo responderá pelos crimes de danos ambientais

15/10/2019 08h13 | Atualizada em 16/10/2019 09h02

Polícia Federal fecha garimpo ilegal em Floresta do Araguaia

Reprodução/TV Liberal

PUBLICIDADE

A Polícia Federal fechou um garimpo ilegal no município de Floresta do Araguaia, no sudeste do Pará. A ação aconteceu durante a quinta fase da operação "Retomada", que desde julho já fechou 11 garimpos ilegais na região, nove pessoas foram presas e R$ 4,5 milhões de reais em bens foram apreendidos.

Segundo a PF, o local era conhecido como o garimpo do Mamão e tinha uma mulher de 79 anos como proprietária. A proprietária do garimpo vai responder por crimes ambientais e extração ilegal de minério.

Durante a operação, quatro pessoas foram presas e armas, 73 munições, mira telescópica e colete balístico foram apreendidos. O responsável pelo armamento foi identificado e foi autuado por posse ilegal de arma de fogo e munições.

FONTE: G1 Pará

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE