FALTA DE INFORMAÇÕES

Novo Repartimento e São João do Araguaia têm recursos bloqueados

De acordo com a CNM, as informações não homologadas ao Siops dizem respeito a aplicação mínima de recursos do município na saúde, que é de 15%

Felipe Leonel

Acesse o Blog

14/05/2019 12h22 | Atualizada em 14/05/2019 12h42

Novo Repartimento e São João do Araguaia têm recursos bloqueados

Reprodução/ Internet

PUBLICIDADE

Quatro municípios do Estado do Pará estão com recursos do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) bloqueados. O montante bloqueado de todos os municípios paraenses é de R$ 3.554.318,79, dos municípios de Faro, Santarém Novo, além de dois da região sudeste, Novo Repartimento e São João do Araguaia.

O recurso bloqueado de Novo Repartimento é de R$ 1.925.256,01 e de São João do Araguaia é de R$ 740.483,08, totalizando mais de dois milhões e seiscentos mil reais. Segundo a Confederação Nacional dos Municípios (CNM), os recursos seriam pagos no dia 10, mas foram bloqueados por falta de informações dos últimos dois meses de 2018.

De acordo com a CNM, as informações não homologadas ao Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Saúde (Siops) dizem respeito a aplicação mínima de recursos do município na saúde, que é de 15%. O montante bloqueado do município Faro e Santarém Novo é de R$ 444.289,85 cada um.

Em todo o Brasil, 237 municípios teve seus recursos bloqueados, num total de R$ R$ 227 milhões. A CNM ressalta também que após os municípios apresentarem os dados ao Siops, os municípios poderão ter seus repasses desbloqueados em um prazo de 72 horas.

(Com informações: Agência CNM de Notícias)

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE