SITUAÇÃO COMPLICADA

Minervina perde controle sobre a Câmara de Vereadores

28/05/2019 10h16 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00 1 comentario

Minervina perde controle sobre a Câmara de Vereadores

Reprodução: Facebook/Minervina

PUBLICIDADE

A situação da prefeita Minervina Barros (PDT), de São Félix do Xingu (1050 km de Belém), está cada dia mais complicada. Se antes, não tinha controle sobre seu governo, mas controlava a Câmara de Vereadores, agora a situação está saindo totalmente de seu domínio. A prefeita está perdendo, em ritmo acelerado, o controle sobre a Câmara de Vereadores daquele município.

Voz que era praticamente isolada na oposição, o vereador Batista Abreu (PHS), conseguiu o apoio dos colegas para cobrar a demissão do secretário de Saúde, Ireno Gomes. E olha que motivos não faltam: Suspeita de improbidade administrativa, contratação de parentes, salários atrasados há três meses, além da falta de ‘urbanidade’ do secretário ao lidar com os parlamentares.

A última notícia do município é que Batista conseguiu arregimentar apoio de outros três colegas, Galego Bala (MDB), Carla Pereira (PSL) e Osmar Vieira (PSD), para exigir da gestora a demissão de Ireno Gomes. Uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar as inúmeras irregularidades também não é descartada.

1 COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  1. Já era pra terem tirado esse secretário de araque a bastante tempo

Comente, sua opinião é Importante!

PUBLICIDADE